Sexta, 26 de Novembro de 2021
°

-

Política Felipe Camarão

PT vai em busca de alianças para fortalecer ainda mais a pré-candidatura de Felipe Camarão ao Governo do Maranhão.

O partido busca aliança com PSB, Psol e o PCdoB

23/10/2021 às 12h54
Por: Ismael Leon
Compartilhe:
PT vai em busca de alianças para fortalecer ainda mais a pré-candidatura de Felipe Camarão ao Governo do Maranhão.

A direção estadual do Partido dos Trabalhadores (PT) convocou a direção estadual do Partido Socialista Brasileiro (PSB) para uma reunião sobre a possibilidade de uma aliança entre as duas legendas em 2022 no Maranhão.

O encontro está marcado para ocorrer na segunda-feira, 25, na sede do comando socialista, segundo confirmou ao Imirante o deputado estadual Zé Inácio.

Segundo ele, o encontro foi tratado diretamente entre os presidente estaduais das duas siglas, Augusto Lobato, pelo PT, e o deputado federal Bira do Pindaré, pelo PSB.

“Essa será uma primeira conversa entre os dois partidos. Vamos propor uma aliança em prol da nossa candidatura ao governo”, destacou Inácio.

Apesar de alinhados no campo político, uma composição PT/PSB, no entanto, não é simples. O pré-candidato petista ao Governo do Maranhão é o atual secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão. O PSB deve lançar o atual governador do Estado, Flávio Dino, como candidato a senador.

Sob o ponto de vista teórico, não haveria óbices a uma coligação. O governador, contudo, é um entusiasta da pré-candidatura do seu atual vice, Carlos Brandão, que está no PSDB.

Pré-candidatos a deputado federal e estadual pelos dois partidos também devem participar da agenda.

Novos encontros – Além do PSB, o PT tem interesse em propor alianças, ainda, com o PSOL e com o PCdoB.

“O encontro com PCdoB pode ocorrer também na próxima semana”, adiantou Zé Inácio. Ele diz que fez pessoalmente contato com o presidente estadual do partido, o deputado federal e secretário de Estado das Cidade Márcio Jerry.

A ideia, explica, é propor um debate sobre a formação de uma chapa majoritária única.

Outro partido cobiçado pelo campo de esquerda no Maranhão é o MDB. É provável que a legenda também seja convidada pra uma reunião com esse mesmo objetivo.

Internamente, alguns petistas admitem a possibilidade de uma vaga de suplente de senador ser oferecida a um emedebista.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias