Sexta, 26 de Novembro de 2021
°

-

Política Afonso Cunha

Prefeito Arquimedes Bacelar leva multidão de Afonso Cunha em apoio a campanha de Weverton Rocha em Timon.

Sites destacaram que o grupo mais numeroso foi o de Afonso Cunha, liderado pelo prefeito Arquimedes Bacelar.

22/11/2021 às 10h08
Por: Ismael Leon Fonte: Blog do Raphael Duarte
Compartilhe:
<p><img src=

 

Na noite deste sábado (20), a cidade de Timon literalmente se transformou na cidade de Afonso Cunha! Uma multidão de afonsenses participaram da caravana "O Maranhão Mais Feliz" em apoio à pré-candidatura do senador Weverton para o Governo do Maranhão.
 
Sites como "O Municipalista" destacaram que o grupo mais numeroso foi o de Afonso Cunha, liderado pelo prefeito Arquimedes Bacelar. Para ele, o senador representa “renovação sangue novo, ideias avançadas para promover o progresso e o bem-estar do povo maranhense. Anseios que são compartilhados pelos afonsenses.
 
Weverton Rocha mostrou-se emocionado com a recepção da caravana em Timon. Nesta sexta edição recebeu a manifestação de caravanas de todo o Estado. Surpreendeu-se com a de Afonso Cunha, a mais numerosa da concentração. Comentou que, como ele, Arquimedes é da geração de inquietos, que não se conformam e estão sempre querendo mudar o panorama. O senador avaliou coincidências entre ele e o prefeito Arquimedes – juventude e ousadia para sempre fazer o melhor.
 
Arquimedes mais uma vez foi destaque no evento, ao chegar nos momentos finais e adentrar ao local com uma cavanana formada por mais de 300 pessoas, que chegaram à Timon em 03 ônibus, 03 microônibus e dezenas de veículos de passeio. "Chegou causando".
 
Além de Arquimedes, outras lideranças de Afonso Cunha estiveram na caravana, dentre elas, o vice-prefeito Pedro Medeiros, os vereadores Milton Bastos, Welinton Cabeção, Professor Paizim, Farid e Zé do Gás.
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias